6cfb5cef-istock-1063133736-1-scaled

O que é doença ou lesão preexistente? Há cobertura?

Ao contratar um novo plano de saúde ou fazer portabilidade do seu plano, é necessário ter muito cuidado para ler todas as informações do contrato e não perder nada que é do seu direito.

Por isso, uma das dúvidas mais comuns das pessoas ao contratar um plano de saúde é sobre a DLP – doenças ou lesões preexistentes – que aparece bastante nos contratos.

Se você ainda não sabe o que é uma doença ou lesão preexistente, confira esse artigo antes de assinar o seu contrato e tire suas dúvidas!

O que é a doença ou lesão preexistente?

De acordo com a definição da ANS (Agência Nacional de Saúde), as doenças ou lesões preexistentes são todas aquelas que o beneficiário de um plano de saúde sabia ser portador antes da contratação ou adesão do seu novo plano.

Isto é, se na hora de contratar um plano de saúde para a sua família, você já tinha conhecimento de possuir uma doença de tratamento crônico, câncer por exemplo, ela é considerada uma doença ou lesão preexistente.

Quais doenças são consideradas preexistentes?

Agora que você já sabe o que é uma doença preexistente, provavelmente deve estar se perguntando o que se encaixa nessa categoria.

Afinal, todos nós temos algum tipo de disfunção corporal simples, como uma sinusite, e aí bate a dúvida se tudo é considerado uma doença preexistente.

Na verdade somente doenças de tratamento mais complexo são consideradas preexistentes. Veja as mais comuns!

Câncer

Doenças provenientes do câncer são consideradas preexistentes, independentemente da região ou estágio de desenvolvimento.

Isso porque o câncer é uma doença gerada pela produção desordenada de células, em que o próprio corpo começa a gerar células não saudáveis e danifica os tecidos saudáveis.

Ou seja, é uma doença complexa de se tratar, independentemente do estágio em que está, pois é o próprio corpo que a cria.

Atualmente existem mais de 100 tipos de cânceres diferentes, como os de próstata, mama, estômago, entre outros. Todos se encaixam como DLP.

Doenças cardiovasculares

As doenças cardiovasculares são todas aquelas que atingem o coração e os vasos sanguíneos, impedindo este órgão de funcionar corretamente.

As doenças cardiovasculares mais comuns são:

  • Arritmia cardíaca
  • Hipertensão ou hipotensão
  • Sopro no coração
  • Artrose
  • Angina instável e estável
  • Insuficiência cardíaca
  • Cardiomiopatia
  • Taquicardia ventricular
  • Infarto, entre outros

Ou seja, se você tem conhecimento que sofre de alguma dessas doenças no momento da contratação do seu plano de saúde, informe ao especialista responsável, pois são consideradas doenças ou lesões preexistentes.

Anemia

A anemia é uma doença causada pela queda da quantidade de hemoglobinas no sangue e seus principais sintomas são cansaço, fadiga, pele amarelada e falta de apetite.

O tratamento é feito pela suplementação com nutrientes como a vitamina B13 e sulfato ferroso, mas exige um acompanhamento constante para que a condição não evolua.

Devido à complexidade e necessidade de monitoramento frequente, ela é considerada uma doença preexistente.

Doenças respiratórias graves

Doenças como a asma e a bronquite são consideradas preexistentes. Isso porque, apesar de bastante comuns na população brasileira, elas exigem um tratamento e monitoramento constante com medicação adequada.

Nessas doenças, é ideal evitar que o paciente sofra de uma crise respiratória, por isso, a prevenção é prolongada e constante.

Existe cobertura para as doenças ou lesões preexistentes?

Os planos de saúde cobrem doenças ou lesões preexistentes, porém, é necessário aguardar um tempo de carência.

Para essas condições, existe a condição parcial temporária (CPT) em que o beneficiário recebe tratamento parcial da sua doença.

A ANS afirma que o beneficiário com uma doença ou lesão preexistente deve aguardar 24 meses para receber tratamento com procedimentos complexos para sua condição.

Ou seja, se você possui câncer, por exemplo, terá que ficar 24 meses suspenso de receber tratamento de alta complexidade para a condição oncológica.

Isso significa que durante os 24 meses, o portador da doença não pode realizar procedimentos de alta complexidade, cirúrgicos ou internações por causa da sua condição.

O ponto positivo é que tratamentos mais simples são permitidos, como o acompanhamento médico em consultas, exames e a administração de medicamentos.

Na portabilidade do plano de saúde, é necessário informar a doença preexistente?

Sim, a própria operadora de saúde ficará responsável por realizar os exames que identifiquem se o beneficiário possui doenças ou lesões preexistentes.

Além disso, a nova operadora de saúde também costuma solicitar um relatório da operadora antiga para saber o histórico do novo beneficiário.

Se você já tiver cumprido a cobertura parcial temporária no plano de saúde antigo, não será necessário cumprir uma nova cobertura.

Como a doença preexistente é identificada pelo plano de saúde?

As operadoras de saúde exigem uma série de exames e procedimentos do contratante no momento da contratação, para que essas doenças e lesões preexistentes sejam identificadas.

Portanto, o beneficiário pode ou não informar sua doença preexistente no momento da contratação, pois a operadora irá identificar a condição de qualquer forma.

Caso a operadora de saúde não exija exames para identificar as doenças e futuramente o beneficiário informe sua condição, a operadora não pode exigir que ele cumpra uma cobertura parcial temporária.
Ou seja, é de responsabilidade da operadora identificar as doenças preexistentes no beneficiário.

Portanto, se os exames não forem realizados na contratação, o beneficiário terá direito à cobertura dos procedimentos complexos normalmente.

Agora que você entendeu melhor como funciona a doença ou lesão preexistente nos planos de saúde, deixe seu comentário se ainda ficou com alguma dúvida!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solicite sua cotação

Encontre nossas unidades

Rio de Janeiro

Niterói

Campo Grande

Duque de Caxias

Madureira

São Paulo

Planos de saúde sulamerica, RJ sulamerica, Planos de saúde RJ, Amil, Assim Saude, Bradesco, Cemeru, Golden Cross, SulAmerica, Unimed, Planos de Saude, Planos Odontologicos, Tabela, Cotacao, planos de saude rj, plano de saude valores, plano de saude cotacao, planos de saude barato, plano de saude mei, plano de saude PJ, Valor Plano de Saude