Japanese alt text: 医療用ベッド

Rede credenciada: Entenda o que é nos planos de saúde

Uma das nossas maiores preocupações na hora de contratar um plano de saúde é saber onde seremos atendidos, se os hospitais e clínicas são de qualidade e se o atendimento é eficiente e focado nas necessidades dos beneficiários. Afinal, ninguém quer pagar por um plano de saúde e ficar esperando horas em filas ou passar raiva com atendimento físico, né?

Às vezes você também precisa priorizar planos de saúde que oferecem atendimento mais próximo da sua casa. Por isso, na hora de avaliar qual operadora contratar, é necessário entender o que é uma rede credenciada e como escolher um plano de saúde com a melhor rede para suas necessidades. Vamos lá?

O que é uma rede credenciada nos planos de saúde?

A rede credenciada é todo o conjunto de estabelecimentos, profissionais da saúde, consultórios, laboratórios, hospitais e clínicas que estão inclusos no valor do seu plano de saúde. Ou seja, a rede credenciada é todo lugar e profissional que você pode solicitar atendimento médico sem pagar nada a mais do valor do seu plano.

Essa rede serve como um serviço terceirizado para dar suporte ao beneficiário, pois nem sempre a rede de estabelecimentos da própria operadora é grande o suficiente para atender sua quantidade de beneficiários.

Atenção: Para facilitar o conhecimento dos termos, saiba que a rede credenciada também pode ser chamada de rede contratada ou referenciada.

O que é uma rede própria?

Além da rede credenciada terceirizada, a maioria das operadoras de saúde oferece uma rede própria, em que todos os profissionais, clínicas e hospitais são da própria operadora que você contratou o plano de saúde.

A maior vantagem de fazer consultas direto na rede própria é que, caso seu plano seja por coparticipação, você irá pagar uma porcentagem menor e menos taxas pelo uso do serviço.

Mas, em geral, não existem muitas diferenças entre usar a rede própria ou a credenciada, é somente mais uma forma de dar opções para o beneficiário e não limitá-lo a um número pequeno de estabelecimentos e profissionais.

Quais são os tipos de rede credenciada?

Agora que você já sabe a definição de rede credenciada, vamos explicar os tipos de rede que você pode contratar, confira:

Rede credenciada nacional

Essa é a rede de atendimento em clínicas, hospitais e profissionais que tem cobertura em todo território nacional. Ou seja, você poderá receber atendimento em todo Brasil, não te limitando se um dia você quiser viajar para outras cidades ou estados.

A rede nacional é essencial para quem faz muitas viagens ou gosta de consultar em estabelecimentos que são um pouco mais longe da sua casa.

Ao contratar essa rede, basta apresentar sua carteirinha do convênio no estabelecimento e realizar o atendimento normalmente. Em alguns casos de rede nacional, você pode até ir em um local que a rede não cobre e depois solicitar o reembolso das despesas, mas para isso, consulte sua operadora antecipadamente.

Rede credenciada regional

Ao contrário da rede nacional, a opção regional é quando você contrata um plano de saúde que só oferece hospitais, clínicas e consultas em uma região específica. Esse tipo de rede geralmente atende uma única cidade, um conjunto de cidades ou apenas alguns municípios.

Essa rede é mais indicada para quem não viaja com muita frequência, não sai do estado sempre e já se acostumou a frequentar estabelecimentos e atender com profissionais próximos da sua casa.

Você não terá cobertura do seu plano de saúde fora da área de cobertura, mas a vantagem é que o valor do plano mensal sai bem mais barato que a rede nacional.

Rede Premium

A rede credenciada Premium é uma oferta exclusiva, geralmente inclusa somente nos planos Premium, que também são os mais caros das operadoras.

Uma Rede Premium geralmente inclui atendimento em hospitais e clínicas de todo o Brasil, independentemente da sua cidade ou estado. Além disso, a cobertura Premium oferece atendimento fora do Brasil – com todos os gastos inclusos, mesmo se for necessária uma internação – e seguro viagem.

Esta rede é a mais indicada para quem faz muitas viagens internacionais, a lazer ou a trabalho, e não pode contar com a sorte, afinal, pagar os gastos com saúde fora do Brasil sai bem caro se você não tem um plano.

Geralmente esses planos também oferecem diversos benefícios exclusivos como zero carência para seus clientes.

Como escolher um plano de saúde com a melhor rede credenciada?

Antes de contratar um plano, é importante entender qual operadora fornece a melhor rede credenciada para você. Por isso, você deve considerar os seguintes fatores:

  • Se você vai muitas vezes ao médico, busque uma rede credenciada perto da sua casa, para evitar muitos gastos com transporte
  • Caso você tenha alguma doença crônica ou complexa que precise de maior atenção dos profissionais, procure uma rede credenciada com altos níveis de avaliação pelos usuários e conhecida por sua qualidade
  • Caso você já atenda com alguns profissionais específicos, pergunte-os se eles atendem por convênio em alguma operadora, assim você pode priorizar essa operadora na hora de contratar

Depois de pensar nesses aspectos, vale consultar e comparar a rede credenciada direto com a operadora.

Geralmente, as operadoras de saúde oferecem uma aba do site dedicada a mostrar um mapa interativo ou uma lista com endereços e horários de atendimento de todos as clínicas, hospitais e médicos da rede credenciada, além de contatos de atendimento ao cliente e ouvidoria.

Mas se você não encontrar esse dado facilmente pela operadora, consulte o seu corretor de saúde.

A rede credenciada pode mudar depois de eu contratar o plano?

Se você está preocupado em contratar uma operadora por causa de sua rede credenciada e tem medo dos serviços mudarem depois de aderir, não se preocupe.

Geralmente as operadoras de saúde mantêm os mesmos serviços da rede credenciada que foram apresentados ao cliente no dia de contrato.

Porém, isso não é uma regra. As operadoras têm liberdade para alterar consultórios, hospitais, clínicas e profissionais da rede credenciada a qualquer momento. Isso só não é tão comum.

Isso porque as operadoras evitam fazer essas mudanças, já que elas precisam de uma autorização da ANS e o processo é bastante burocrático.

Além disso, você tem a segurança de alguns direitos, pois, a ANS define que, caso a operadora precise trocar a rede credenciada, ela deve:

  • Substituir o prestador de serviços da rede por outro prestador que tenha o mesmo padrão de qualidade de atendimento, não podendo ser um estabelecimento inferior;
  • Comunicar aos beneficiários sobre a substituição dos serviços e profissionais com 30 dias de antecedência;
  • Manter o mesmo padrão de qualidade no atendimento do novo prestador sem aumentar os custos do plano – ou seja, as mudanças não devem gerar novos gastos para o beneficiário.

Agora que você já sabe mais sobre a rede credenciada, deixe seu comentário se você já identificou qual é a melhor para as suas necessidades ou fale com um de nossos corretores para encontrar uma operadora com a melhor rede para você.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest

Deixe uma resposta

11 − 4 =

Solicite sua cotação

Rio de Janeiro: 2242-1000 | Niterói: 2613-2777 | Campo Grande: 3394-0006 | Duque de Caxias: 3848-3030