Medical Healthcare Concept - Doctor in hospital with medical icons modern interface showing symbol of medicine, innovation, medical treatment, emergency service, doctoral data and patient health.

Você sabe o que é uma administradora de planos de saúde?

Se você está em busca de um plano de saúde para sua família, provavelmente já se deparou com uma administradora de planos e teve receio de contratar por ela por não saber mais sobre esta prestadora.

Afinal, uma administradora de planos é confiável? Como funciona? Vale a pena contratar um plano por ela? Continue lendo e tire suas dúvidas!

O que é uma administradora de planos de saúde?

Conhecidas também como administradoras de benefícios, essas empresas são especializadas em contratar e administrar planos de saúde coletivos, podendo atuar também com planos odontológicos.

Elas são pessoas jurídicas que podem realizar a função de intermediário entre o cliente e a operadora de plano de saúde, desde que tenham a autorização da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) para fazer tal serviço.

Isso significa que uma administradora é legalmente autorizada a auxiliar, acompanhar e facilitar o processo de contratação de um plano de saúde para seus clientes pessoa física que desejam contratar um plano coletivo.

Como funciona esse processo?

Para que uma administradora de planos de saúde consiga realizar o processo que explicamos acima, ela faz parcerias com entidades de classe para reunir pessoas de mesma área de atuação que tenham interesse em contratar um plano.

Depois de negociar com as operadoras, a administradora disponibiliza aos seus clientes as opções de planos de saúde coletivo que eles podem contratar, de acordo com suas categorias de profissão.

A partir de então, se você decidir se tornar beneficiário de um plano, a administradora passa a gerenciar todo o processo do relacionamento entre cliente e operadora.

Não sabe qual plano é o melhor para você? Compare vantagens e desvantagens dos planos individuais e coletivos.

Quais serviços a administradora de benefícios realiza?

Ao intermediar a relação entre cliente e operadora, uma administradora de benefícios toma a liberdade de realizar diversas atividades envolvidas no processo de contratação, como:

  • Avaliar o perfil do cliente e sugerir o plano de saúde mais adequado para ele;
  • Receber e analisar as propostas de adesão, levantando dados e documentos com o objetivo de identificar a compatibilidade dos critérios exigidos pela operadora com a situação do cliente;
  • Representar os interesses do cliente junto à operadora;
  • Negociar valores no reajuste anual dos preços dos planos de saúde;
  • Oferecer todas as informações sobre os direitos e deveres do beneficiário sobre o plano que deseja contratar, além de direitos garantidos pela própria legislação da saúde suplementar.

Além disso, caso você decida adquirir um plano de saúde com a administradora, ela passa a ser responsável por diversas outras atividades administrativas relacionadas à operadora contratada, como o controle e emissão de boletos para pagamento das mensalidades, gestão de arquivos físicos e digitais dos clientes, movimentação cadastral e até a estrutura de ouvidoria e atendimento para o beneficiário.

Ou seja, mesmo se você quiser fazer reclamações sobre o seu plano, é a administradora que vai receber suas solicitações e encaminhá-las às operadoras, tomando o cuidado de representar seus interesses.

Quais as vantagens de uma administradora de planos de saúde?

A principal vantagem das administradoras está no poder de negociação que elas têm com as operadoras de planos de saúde.

Por serem pessoas jurídicas que organizam contratações coletivas – ou seja, com muitos beneficiários de uma só vez, as operadoras de planos se tornam mais flexíveis no processo de negociação.

Por isso, alguns benefícios de contratar por elas são:

  • Conseguir planos de saúde por preços mais baratos do que se eles fossem contratados direto com as operadoras;
  • As administradoras garantem os mesmos benefícios e condições de cobertura que os outros clientes recebem, ou seja, o beneficiário não tem um tratamento inferior por não estar contratando direto com a operadora;
  • Comodidade para o beneficiário, pois a administradora toma a iniciativa de resolver eventuais problemas direto com a operadora;
  • Reduz a chance de cobranças inesperadas, uma vez que a administradora fica responsável por gerenciar pagamentos à operadora, você sempre será informado sobre cobranças com antecedência e não terá surpresas indesejadas.

E as desvantagens?

Um ponto negativo da administradora de planos é que, ao mesmo tempo que ela oferece comodidade para o beneficiário, isso pode causar problemas de transparência na contratação, uma vez que todos os processos com a operadora são intermediados pela administradora, até a negociação de valores.

Além disso, geralmente as administradoras têm serviços limitados, sendo responsáveis somente pela pela contratação de planos de saúde coletivo e não oferecendo outras modalidades como seguro de vida e plano pet, o que pode tirar um pouco a praticidade de poder contratar todos os serviços em um único canal.

Qual a diferença entre uma administradora de planos de saúde e uma corretora?

Depois de entendermos melhor o que uma administradora faz, vale ressaltar que ela é diferente dos corretores de planos de saúde, principalmente porque os corretores somente comercializam os planos. Eles não são responsáveis pela atualização cadastral dos beneficiários na base da operadora após a contratação.

Já a administradora faz todo o processo anterior à comercialização do plano, ou seja, ela cria parcerias com as entidades de classe e reúne pessoas com um mesmo objetivo de contratação, a fim de intermediar a relação entre as duas partes. Depois da contratação ela também é a responsável por gerenciar todos os documentos e dados do beneficiário.

Na prática, nenhum dos serviços é melhor ou pior, pois cada um é direcionado para um cliente diferente.

Por exemplo, se você quer ter alguém para te orientar na escolha do melhor plano de saúde, mas quer liberdade e autonomia para ter contato direto com a operadora após a contratação, um corretor é a melhor escolha. Os corretores estão sempre disponíveis para tirar dúvidas e resolver problemas simples, mas após contratar, você também pode fazer qualquer processo do seu plano direto com a operadora, o que garante mais transparência na contratação.

Porém, se você deseja contratar um plano coletivo de acordo com sua categoria de profissão, a administradora é uma boa escolha para te orientar.

De qualquer forma, algumas corretoras também atuam em planos coletivos, então o que realmente vale é escolher a empresa que te ofereça o melhor atendimento e que te oriente sobre seus direitos como consumidor.

Ainda tem alguma dúvida? Deixe seu comentário!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest

Este post tem um comentário

Deixe uma resposta

8 + 10 =

Solicite sua cotação

Rio de Janeiro: 2242-1000 | Niterói: 2613-2777 | Campo Grande: 3394-0006 | Duque de Caxias: 3848-3030